Publicidade

UPA de Piripiri é transformada em depósito e tem prédio arrombado

Categoria: Geral
Criado em Segunda, 08 Janeiro 2018 15:55
Escrito por Redação

Inaugurada em 2012, sem condições de funcionamente, pelo então prefeito da época, a UPA nunca funcionou

Upa2.jpg

A Unidade de Pronto Atendimento (UPA) é apenas um "elefante branco" do fim da gestão do atual prefeito, no ano de 2012, quando perdeu a eleição por mais de 5 mil votos.

Com pressa para inaugurar a UPA, mesmo sabendo que não tinha condições de funcionamento, o então prefeito derrotado da época, cortou a fita inaugural pelo simples fato de querer seu nome cravado na placa de inauguração do prédio.

Desde então, a UPA não abriu as portas para atendimento à população. Pois segundo o que consta, o prédio não tinha condições estruturais, pois faltavam equipamentos. Além disso, outro erro do prefeito derrotado, foi a escolha do porte da unidade, pois não havia recursos para manutenção, tornando-se inviável a abertura da mesma. Fatos alegados pelo o prefeito que sucedeu o derrotado da época.

UPA1.jpg

Tais informações foram confirmadas pelo Tribunal de Contas do Estado, em auditoria solicitada pelo deputado, filho do atual gestor, em 2014.
Segundo o TCE, a Unidade foi inaugurada pela pai do deputado sem condições de funcionar, informação ratificada pelo Tribunal de Contas da União (TCU).

E mesmo sendo uma promessa de campanha do atual gestor, que prometera nos debates, na televisão, em 2016, colocar a UPA para funcionar, já se passou um ano de administração, e o máximo que ele fez foi transformar a Unidade de Pronto Atendimento em depósito da Prefeitura.

Quem vai ao prédio vê centenas de carteiras escolares amontoadas ocupando o espaço juntos aos poucos equipamentos que seria de utilidade, caso a UPA estivesse funcionando.

Contudo, é triste destacar que na noite de ontem, 07/01, o prédio da UPA foi alvo de arrombadores que, felizmente, segundo funcionários da Secretaria Municipal de Saúde que estiveram no local, hoje pela manhã, juntamente com a Polícia Militar, aparentemente não foi furtado nenhum equipamento.

Desastrosamente, assim segue a administração que prometeu reconstruir Piripiri.