Publicidade

Piripiriense é espancada pelo companheiro na cidade de Boa Hora

Categoria: Geral
Criado em Sexta, 29 Dezembro 2017 17:00
Escrito por Redação

Ela perdeu 50% do couro cabeludo

mulher54.jpg

Maria Layana de Araújo Pereira, 30 anos, residente na cidade de Boa Hora, foi vítima de violência doméstica pelo seu companheiro, José de Oliveira, vulgo Zé Nelzim, 41 anos.

Hoje, 29/12, no Jornal do Meio Dia, da Rádio FM Cidade de Piripiri, ela relatou o terrou que viveu durante os 06 dias em cárcere privado.

Layana relata que viveu os dias mais terríveis de sua vida. Segundo ela, o companheiro a ameaçava diariamente, além de falar que caso ela o deixasse, ele mataria tanto ela, como suas filhas, além de sua família que vive em Piripiri.

Layana é natural da cidade de Piripiri, tem 2 filhas, sendo a mais velha com 11 anos, e foi espancada pelo esposo, num sítio, na zona rural de Boa Hora.

Segundo ela, ao retornarem para a residência do casal, o companheiro teria deferindo vários golpes brutais, além de puxá-la pelos cabelos a ponto dela perder 50% do couro cabeludo.

A vítima ainda relata que passou três dias em casa sem poder procurar um médico, mantida em cárcere privado.

Layana relatou ainda que o esposo não deixava ninguém ter acesso a casa, exceto, a empregada domética. E quando ele saiu para trabalhar, ela teve acesso a um celular com internet, daí ela teve a ideia de procurar, através do Google, números de advogados na cidade de Barras, quando encontrou alguns números, ela ligou para um dos contatos e quem atendeu foi uma advogada que em seguida entrou em contato com amigos que trabalham na polícia e assim puderam acionar o delegado da cidade de Barras. Com isso, começou uma operação para resgatar a ela e suas filhas com vida.

Layana viveu os piores dias que uma mulher pode viver!